Procedimentos

Informações dos Nossos Procedimentos



Como agendar um Procedimento

Como é um procedimento de alta complexidade é importante que você leve os seus exames e discuta a indicação do procedimento com um dos médicos da equipe para lhe explicar como eles devem ser feitos. Se o seu clinico já avaliou e observa a necessidade da indicação, ele pode nos encaminhar em um dos endereços ao qual ele esta habituado. Para maiores informações de locais de atendimento ligar para a nossa secretaria.


Pós Procedimento

O pós procedimento em eletrofisiologia costuma ser facilmente tolerado. Como os exames são realizados por via endovenosa (por dentro das veias através de uma pequena incisão e punção por agulha), não costumam trazer dor de forma significativa no pós operatório. Habitualmente o paciente se levanta em menos de 12 horas e recebe alta em até 24 horas. É possível que fique um pequeno hematoma na área de punção mas que deve desaparecer em poucas semanas. O repouso após a alta é apenas relativo, estimulando-se a deambulação precoce (caminhar), mas é claro, sem exageros. O retorno ao trabalho se dá em poucos dias. É importante que você retorne em seu médico clínico para o acompanhamento pós ablação. No caso da ablação da Fibrilação atrial todos os medicamentos que você tomava antes da ablação, inclusive o anticoagulante, devem ser mantidos pelo prazo que o seu clínico ou eletrofisiologista determinarem.

Ablação por Cateter de Fibrilação Atrial

A Fibrilação atrial (FA) é a arritmia sustentada mais comum na população e tem incidência inflacionada com o avanço da idade e a associação com outras doenças. O Laboratório de Eletrofisiologia de Curitiba realiza a ablação por cateter com apoio de tecnologias de mapeamento tridimensional e possui taxas de sucesso no controle da arritmia compatíveis com os melhores serviços de ablação de FA ao redor do mundo.

Implante de dispositivos cardíacos artificiais (marcapasso e desfibriladores)

O marcapasso visa corrigir as batidas lentas do coração devido a defeitos de geração ou condução da eletricidade que se propaga célula a célula. Atualmente dispositivos chamados desfibriladores e ressincronizadores visam prevenir a ocorrência de morte súbita e tratar a insuficiência cardíaca, respectivamente, em casos selecionados. O implante de ressincronizadores ...

Estudo Eletrofisiológico Diagnóstico

O estudo eletrofisiológico é um procedimento que se utiliza de cateteres (fios) colocados dentro do coração para observar ritmos anormais e o modo como eles ocorrem com o objetivo de indicar o melhor tratamento para aquele problema específico. Tais ritmos podem ser lentos ou rápidos. É também um importante método para estratificar o risco de morte súbita em casos selecionados.

Ablação por Cateter de Arritmias Supraventriculares

Método de correção dos ritmos anormais do coração que normalmente provocam aceleração e sensação de palpitação. Realizado através da aplicação de energia de radiofrequência no músculo cardíaco com um circuito anômalo, cauterização da área avaliada e correção definitiva da arritmia. As arritmias supraventriculares mais comuns são curadas com taxas superiores a 90% e risco de complicações em torno de 1%.

Ablação por Cateter de Arritmias Ventriculares

Habitualmente realizadas através de tecnologia de ponta com mapeamento tridimensional, visa corrigir as áreas com ritmo ventriculares anormais. As arritmias ventriculares podem ser idiopáticas, de coração normal, e a ablação proporciona cura em um número elevado de pacientes. As arritmias ventriculares associadas a doenças do musculo cardíaco habitualmente não são curáveis mas o seu controle através da ablação proporcione melhor controle da arritmia e ganho de qualidade de vida.

Avaliação e acompanhamento de dispositivos implantáveis

A avaliação dos dispositivos implantáveis através da telemetria do marcapasso é importante para garantir o correto funcionamento destes dispositivos, corrigir falhas e monitorar a bateria. No LEC é realizada pelos médicos do grupo, com experiência em todos os dispositivos disponíveis no mercado.

Monitores cardíacos subcutâneos

Os monitores cardíacos subcutâneos são indicados para o diagnóstico de arritmias infrequentes mesmo que o paciente não as perceba ou também naquelas em que o paciente apresente algum tipo de arritmia e não possa registrar o período do evento. Possui como vantagens serem discretos e não aparentes na maioria dos pacientes devido a sua colocação subcutânea...

Hospitais

Nossa equipe atende nas mais conceituadas instituições médicas do Paraná.